Prefeitura Municipal de Bandeirantes - Paraná

Análise comprova excelente qualidade da água fornecida pelo SAAE

Imprimir PDF
pmb-saae-006 Reclamação de morador no Conjunto Bela Vista sobre a qualidade da água abastecida pelo SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Bandeirantes) levou os técnicos da autarquia a realizar comparativo entre produto de água mineral comercializado em supermercado com o líquido fornecido pela empresa pública.

Segundo o diretor da autarquia, Nilton De Sordi Júnior (Juba), o questionamento do usuário se deve ao fato de que o SAAE passou a “misturar” o líquido que é extraído da bomba localizada próximo ao sinaleiro na BR-369 com a Antonio Martins Pinhão, com o que é captado pelo poço profundo no alto do bairro, do Aquífero Guarani. “Devido ao aumento do consumo na região tivemos que tomar essa atitude para que a comunidade não se prejudicasse com a falta d’água. Misturamos as águas captadas dos dois pontos de abastecimento e o resultado da análise foi satisfatório e positivo, cumprindo todas as normas da tabela determinada pela portaria 518 da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para que fosse consumida”, disse.

De Sordi explicou ainda sobre o comparativo e o resultado da análise feita entre água mineral de uma empresa que está no mercado com a fornecida pelo SAAE. “A diferença foi mínima entre as águas em todos os quesitos. Mas com relação à dureza da água, a que fornecemos possui um pouco mais do que o produto que está nas prateleiras dos supermercados, porém nossa água está dentro do que é estabelecido pela Anvisa”, argumenta. O comparativo citado pelo diretor é referente a presença em quantidade de miligramas por litro de cálcio e magnésio. “As pessoas querem que a água faça bastante espuma na hora do banho ou de lavar uma louça, sendo que o teor de cálcio na água dificulta esse fazer espuma. Contudo, essa quantidade de miligrama de cálcio e magnésio por litro, de forma alguma afeta a qualidade da água para o consumo humano”, defendeu.

De acordo com a portaria 518 da Anvisa, a tabela estabelece que a dureza da água esteja entre 25 a 500 miligrama por litro. “A nossa água está com 98 mg/l e a água mineral que está nas prateleiras é de 68mg/l. Ou seja, essa diferença é muito pouca”, comparou e destacou que os técnicos diariamente coletam e realizam análise da água de todos os pontos de fornecimento do SAAE.
 
Navegando em: Principal Saúde Análise comprova excelente qualidade da água fornecida pelo SAAE

Algumas Obras em execução

PMB

Últimos Atos Oficiais

Mais clicadas